top of page
Fundo.png
  • Foto do escritorGabriela Berwanger

Vantagens Financeiras do ESG: Quais são?

As vantagens financeiras do ESG têm ganhado destaque e causado interesse no meio corporativo. Muito se fala sobre práticas sustentáveis e sobre como essas práticas podem ser benéficas para as empresas, mas pouco ainda se sabe sobre os benefícios financeiros que o ESG pode trazer para as organizações. Em uma análise interna, as práticas ESG podem trazer indicadores financeiros, melhorando processos e práticas dentro do tripé do governamental, social e ambiental. Porém, os benefícios externos do ESG estão crescendo cada vez mais e merecem atenção.


Desde a pandemia, a popularidade das vantagens financeiras do ESG tem crescido de forma rápida e surge em diferentes formatos, divididas entre vantagens fiscais e finanças sustentáveis.


Vantagens Financeiras do ESG: Fiscais


Quando se pensa em vantagens financeiras, se pensa em relação fiscal. Dentre as vantagens financeiras fiscais ligadas ao ESG, algumas das mais populares entre os empreendedores são:


  • Incentivos fiscais para energias renováveis são aplicáveis para impostos como o ICMS, IRPJ, CSLL, ICMS, PIS e Cofins (benefícios no material da PwC de 2020);

  • Lei nº 11.196/2005, conhecida como a Lei do Bem, regulamentado pelo Decreto nº 5.798, de 7 de junho de 2006, é considerada o principal instrumento de estímulo às atividades de PD&I nas empresas brasileiras. Contribui efetivamente para a inovação, o desenvolvimento da capacidade técnico-produtiva das empresas e o aumento do valor agregado da produção de bens e serviços;

  • O IPTU Verde, que busca reduzir a taxação do contribuinte que adota ações ambientalmente sustentáveis em seu imóvel;

  • Leis de incentivo fiscal para as empresas que investem em projetos sociais, como a Lei Rouanet, de incentivo ao esporte, de incentivo ao audiovisual e a de incentivo à pesquisa.


Vantagens Financeiras do ESG: Finanças Sustentáveis


Já em relação a finanças sustentáveis, existem duas possibilidades:


  • Títulos Sustentáveis, que podem ser os green bonds, que são papéis de dívida emitidos especificamente para financiar projetos com benefícios ambientais ou os social bonds, que são voltados para questões ligadas a temas como inclusão social, erradicação de pobreza e infraestrutura. Ou ainda, uma combinação do dois, chamado de sustainable bonds, responsáveis por abordar todos os temas da sigla ESG.

  • Crédito Verde, que são condições financeiras mais atrativas para as empresas que comprovem a melhoria de indicadores durante a vigência da operação, estimulando a adoção de práticas empresariais mais eficientes e sustentáveis nos aspectos Ambiental, Social e de Governança.


Vantagens Financeiras do ESG e a Ecovalor


Utilizando ferramentas e metodologias próprias testadas e validadas, a Ecovalor auxilia na implantação ou aperfeiçoamento de Programas ESG e de Sustentabilidade Corporativa. O processo envolve desde o diagnóstico inicial do nível de maturidade da organização, até a elaboração e apoio consultivo na execução de planos de ação e cronograma de trabalho. 


São levadas em consideração as temáticas de constituição de comitê de sustentabilidade, políticas, definição de materialidade, estratégia (objetivos, metas e KPIs), desenvolvimento de programas, projetos e processos, capacitação das lideranças e educação corporativa para a consolidação da cultura da sustentabilidade nas organizações. 


Em resumo, ao integrar as práticas ESG nas organizações, a Ecovalor ajuda a estabelecer os requisitos necessários para que seja possível colher benefícios financeiros sustentáveis.



Gabriela Berwanger

Analista em Estratégia ESG

gabriela@ecovalor.eco.br

Comments


bottom of page