Publicações EcoValor Consultoria em Sustentabilidade

Publicações

  • EcoValor

Sustentabilidade na pauta da cadeia calçadista



Com um consumidor, tanto no mercado interno quanto internacional, cada vez mais consciente acerca da importância da sustentabilidade, a cadeia calçadista vem se mobilizando para não somente incentivar processos produtivos sustentáveis, mas também certificá-los. Neste contexto, a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) e a Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal) estão divulgando a atualização do programa Origem Sustentável, a única certificação sustentável brasileira para as empresas de componentes e calçados.


Em apresentação para empresários do setor realizada na manhã de hoje (12), representantes das entidades destacaram a importância da sustentabilidade como uma forma de otimização de gestão, com mais economia, preservação do meio ambiente e atração de negócios. O presidente-executivo da Abicalçados, Haroldo Ferreira, destacou que cada vez mais os consumidores, especialmente dos principais países consumidores de calçados, caso do Brasil, Estados Unidos e a maior parte dos países europeus, vêm dando atenção ao tema. “A sustentabilidade já não é mais um diferencial, é condição de sobrevivência das empresas. Quem não estiver alinhado ao conceito vai perder espaço, e em um curto prazo”, alerta o executivo, ressaltando que na semana passada dois grandes compradores internacionais de calçados, dos Estados Unidos e da Alemanha, procuraram a Abicalçados atrás de indicações de fabricantes com certificações de sustentabilidade.


A superintendente da Assintecal, Silvana Dilly, ressaltou que a sustentabilidade deve abranger todos os elos da cadeia calçadista, desde o fornecedor de componentes até o produto final. “Não existe calçado sustentável sem componente ou varejo sustentável. É preciso um engajamento amplo de todos os participantes da cadeia para que o setor seja referência mundial em sustentabilidade”, disse.


A inédita parceria com a Ecovalor, consultoria em sustentabilidade, também é um diferencial do Programa, já que a empresa construiu em conjunto com o Programa uma plataforma para a gestão de sustentabilidade, com todos os indicadores para acompanhamento das certificações. O CEO da Ecovalor, Elias da Silveira Neto, destaca que a atual versão do programa fortaleceu ainda mais o Origem Sustentável, refinando seu alinhamento com as melhores práticas globais de sustentabilidade e ESG. “Acreditamos que, com o engajamento e participação massiva da cadeia calçadista no Programa, o setor rapidamente se posicionará internacionalmente como referência em práticas de sustentabilidade e ESG, sendo uma das lideranças para a construção da economia sustentável, circular e de baixo carbono”, projeta o consultor.

Origem Sustentável

O Programa, que já tem nomes como Vulcabras, Piccadilly, Bibi, Boxprint e Cipatex certificadas, e outras tantas gigantes brasileiras em processo de implementação, caso da Arezzo, Usaflex, Ramarim, Beira Rio e Bebecê, tem o objetivo de ser referência internacional em negócios sustentáveis. Com auditorias credenciadas pela SGS e Senai, a certificação conta com quatro níveis de evolução: Bronze (para empresas que cumpram o mínimo de 20% a 30% dos indicadores propostos), Prata (40%), Ouro (60%) e Diamante (80%).


Webinar disponível em YouTube Abicalçados

Fonte: Abicalçados

28 visualizações0 comentário