Publicações EcoValor Consultoria em Sustentabilidade

Publicações

  • EcoValor

Selecionados os vencedores do Prêmio Primus Inter Pares Assintecal | Braskem

Teve início no dia 22 de fevereiro, o julgamento dos cases do Prêmio Primus Inter Pares Assintecal | Braskem. No primeiro dia, foram selecionados os vencedores nas categorias Design e Sustentabilidade.

Graça Cabral, diretora da Luminosidade, e Letícia Castro, diretora-executiva do Centro Brasil Design, foram as juradas responsáveis por avaliar e selecionar os dois cases vencedores na categoria Design – um de micro e pequena empresa e outro de empresas de médio e grande porte.

“Sentimos que as empresas estão percebendo cada vez mais a importância dos processos de gestão de design como uma prioridade. Pela própria pressão do mercado, cada vez mais competitivo, encontrar diferenciais em design é fundamental, é impossível não ter esta visão. Vimos, nos processos das empresas, que eles evidenciam uma transformação a partir do design”, sublinhou Graça.

Letícia ressaltou que todos os cases estavam muito interessantes e que gostariam de premiar mais empresas. “Vejo um importante papel didático do prêmio, pois ele ensina a empresa a se estruturar e ela vai fazendo a lição de casa. A competição saudável também faz com que elas busquem resultados”, frisou.

Sustentabilidade

Já a comissão julgadora da categoria Sustentabilidade foi composta por Elaine Perroco, coordenadora da SGS, Morgana Marca, técnica em Segurança do Trabalho/Meio Ambiente da Piccadilly da Piccadilly, e Fernanda Santos, bióloga da Ecovalor.

“As empresas ainda pecam em associar a sustentabilidade somente a questões ambientais e também têm dificuldade em diferenciar melhorias nos processos internos com cases de sustentabilidade. No entanto, percebi uma melhora em relação ao ano passado, inclusive uma maior aderência das pequenas empresas”, salientou Elaine.

Para Fernanda Santos, os cases trouxeram ideias muito interessantes, embora ainda falte alinhamento com os quatro pilares da sustentabilidade. “O prêmio incentiva as empresas a estudarem, propor melhorias e também abrir novos campos dentro das próprias empresas.”

Morgana destacou que as empresas percebem que a sustentabilidade está atrelada à lucratividade, mas isto não ocorre de imediato. “As melhorias internas trouxeram resultados positivos para as empresas, mas em relação à questão social e cultural algumas atenderam, outras não. As que se destacam, largam na frente.”

Os vencedores serão conhecidos no dia 13 de março, às 19h, no NH Hall, em Novo Hamburgo/RS, quando ocorre a cerimônia de premiação. O Prêmio Primus Inter Pares Assintecal | Braskem já é tradicional no calendário do setor e considerado um dos maiores encontros de empresas e parceiros, com muita troca de informação e experiência, em uma cerimônia movida por celebração e networking.

Fonte: Assintecal

4 visualizações0 comentário