Publicações EcoValor Consultoria em Sustentabilidade

Publicações

  • EcoValor

Eletrobras, Cemig, WEG e CPFL Energia aparecem em índice internacional de sustentabilidade


img230

Empresas do setor elétrico continuam selecionadas para comporem o Dow Jones Sustainability Emerging Markets Index no período 2015-2016. Eletrobras, Cemig, WEG e CPFL Energia estão entre as 16 empresas brasileiras que fazem parte da lista. O índice reúne as empresas com os mais altos níveis em relação aos seus pares do setor, nos quesitos de sustentabilidade empresarial, avaliando aspectos gerais de meio ambiente, governança corporativa, econômico-financeiro, responsabilidade social e mudanças climáticas.

Nesta edição, 800 empresas se inscreveram para participar do índice e apenas 92 atingiram os requisitos estabelecidos. A Eletrobras conquistou nota cem nos segmentos Política Antitruste, Códigos de Conduta/Conformidade/Corrupção e Suborno, Resultados/Sistemas de Medição e Práticas Trabalhistas e Direitos Humanos. A Eletrobras está no índice pela quarta vez consecutiva.

Na comparação entre os resultados de 2014 e 2015, a CPFL Energia registrou uma importante evolução nos indicadores sociais, ambientais e de recursos humanos. O grupo foi reconhecido por promover a geração limpa de energia, por ações de eficiência ambiental na área operacional, pela gestão dos seus recursos hídricos, pelo estabelecimento de uma cultura corporativa voltada para a ética e o voluntariado, além do desenvolvimento dos seus colaboradores, pelo engajamento dos stakeholders e pela maneira de reportar e tornar pública as suas ações sociais.

A Cemig continua na lista pelo 16º ano consecutivo. Segundo o presidente Mauro Borges Lemos, permanecer no Índice Dow Jones de Sustentabilidade por 16 anos consecutivos reitera a determinação da empresa em prosseguir com o crescimento sustentável, direcionado para criação de valor para os seus acionistas, empregados e fornecedores e ao bem-estar da sociedade.

A fabricante de equipamentos elétricos WEG aparece na lista pela segunda vez consecutiva. De acordo com a empresa, ela tem uma longa tradição de atuação sustentável e a inclusão no DJSI-EM representa importante reconhecimento do mercado de capitais, reforçando a posição como companhia componente do Índice de Sustentabilidade Empresarial, elaborado pela BM&F Bovespa.

Fonte: Meio Ambiente Rio (http://goo.gl/heGxnk)

0 visualização0 comentário