Publicações EcoValor Consultoria em Sustentabilidade

Publicações

  • EcoValor

Como calcular a pegada de carbono da sua viagem aérea?

Quando o aplicativo calcula sua pegada ao selecionar o aeroporto de origem e destino, oferece a opção de compensar e leva o usuário à plataforma CeroCO2 ou à Wildlife Foundation/Foto: Morgan Noguellou/FreeImages

Este ano, o Flightradar24, website que disponibiliza a visualização de aviões do mundo todo, em tempo real, anunciou que mais de 225 mil voos foram registrados em um único dia, um recorde de acordo com o serviço de rastreamento de voos. Essas aeronaves atravessam os céus e produzem gases de efeito estufa – principalmente dióxido de carbono (CO2) – porque queimam combustível e contribuem para o aquecimento global.

Para aumentar a conscientização e ajudar os cidadãos a se tornarem viajantes mais responsáveis, a “Fundación Plan21”, uma ONG que trabalha para o desenvolvimento humano sustentável na América Latina, criou o aplicativo Carbonocero (Carbono Zero, em português).Quando o aplicativo calcula sua pegada ao selecionar o aeroporto de origem e destino, oferece a opção de compensar e leva o usuário à plataforma CeroCO2 ou à Wildlife Foundation.

O Carbonocero é a primeira iniciativa voluntária para medir e compensar as emissões de gases de efeito estufa. Por meio de seu programa de voluntariado, um grupo de funcionários da IBM criou o aplicativo Carbonocero. O aplicativo funciona offline e permite que qualquer viajante calcule a pegada de carbono pessoal de suas viagens, que é expressa em quilos ou toneladas de CO2 e reflete os gases de efeito estufa emitidos como resultado de sua viagem.

A primeira versão do aplicativo foi lançada há alguns meses e permitiu calcular a pegada de carbono por voo. A versão lançada em novembro tem outra imagem, usabilidade e, mais importante, a possibilidade de compensar com a Fundación Vida Silvestre ou com o CeroCO2. Quando o aplicativo calcula sua pegada ao selecionar o aeroporto de origem e destino, oferece a opção de compensar e leva o usuário à plataforma CeroCO2 ou à Wildlife Foundation. A partir daí, é possível escolher entre os diferentes projetos para compensar a pegada de carbono com uma doação.

A ação está alinhada à iniciativa da CEO da IBM, Ginni Rometty, e de mais de 75 CEOs e líderes empresariais, que em 2 de dezembro assinaram uma carta renovando seu compromisso de combater as mudanças climáticas e reforçando os Estados Unidos a continuarem a fazer parte do Acordo Climático de Paris.

Fonte: Notícia Sustentável

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo