top of page
Fundo.png
  • Foto do escritorEduarda Bischoff

Certificação RCS: quais as vantagens

Se você faz parte da cadeia têxtil certamente já ouviu falar sobre o Recycled Claim Standard, popularmente conhecido como RCS. Atualmente apenas 9 empresas são certificadas nesta norma no Brasil, mas este número tende a crescer, pois grandes players do mercado como Nike, Adidas e Puma estão solicitando que seus fornecedores tenham a certificação RCS para que sua cadeia de custódia seja garantida.

O que é a Certificação RCS?


O Recycled Claim Standard (RCS), é uma norma internacional e voluntária que estabelece requisitos para certificações de terceira parte sobre a cadeia de custódia de produtos fabricados a partir de materiais reciclados. O objetivo é alinhar as definições de conteúdo reciclado nas mais diversas aplicações, rastrear este material durante toda a sua cadeia de custódia e garantir que o produto final realmente tenha o conteúdo reciclado em sua composição, fornecendo por meio do selo uma ferramenta para que os consumidores consigam tomar decisões informadas.


A norma atualmente é regida pela Textile Exchange e sua versão inicial foi elaborada no ano de 2013 em uma parceria entre a organização e a Outdoor Industry Association’s Sustainability Working Group’s Materials Traceability Task Force. A certificação RCS está alinhada a missão da Textile Exchange de acelerar as práticas de sustentabilidade na indústria têxtil, mas essa aceleração apenas acontece quando passos são tomados para garantir que as ações realizadas acerca da sustentabilidade resultem em uma mudança real e significativa.

Quais são os requisitos da Certificação RCS?


São elegíveis a certificação RCS aqueles produtos com teor de reciclado a partir de 5%. Sendo rotulados como RCS Blended aqueles com teor de reciclado entre 5% e 95% e RCS 100 aqueles com teor de reciclado entre 95% e 100%.

Além de atender a margem de teor de reciclado a organização ainda precisa demonstrar conformidade com os requisitos do Content Claim Standard que falam sobre a cadeia de custódia. Para isto cada estágio da produção precisa ser certificado, iniciando no estágio de reciclagem e terminando no último vendedor business-to-business.

Vantagens da Certificação RCS:


Por se tratar de uma certificação de cadeia de custódia, para que uma organização consiga obter a certificação RCS todas as que vêm antes dela na cadeia devem também ser certificadas. Portanto a obtenção do selo traz uma vantagem de mercado em relação as organizações que não o têm, visto que o primeiro passo para obter a certificação é encontrar um fornecedor de matéria prima já certificado – e hoje no Brasil existem apenas 9 empresas que podem ocupar este papel.


Ao mesmo tempo que essa é uma grande vantagem, também se torna um grande risco ao mercado têxtil brasileiro. Se não houver uma capacitação para atender esta demanda, o Brasil pode vir a perder seu lugar na cadeia de fornecimento de grandes empresas que já informaram que irão buscar outros mercados com a finalidade de obter a certificação.


Como a Ecovalor pode auxiliar na Certificação RCS?


A Ecovalor conta com profissionais capacitados e que dominam as normas paraauxiliar no processo de certificação RCS. Ao longo de 10 anos, os consultores da Ecovalor participaram da certificação de diversos clientes em programas como Origem Sustentável e Ecovadis.


A consultoria também conta com a preparação de cases para participação em premiações e demais programas de reconhecimento de boas práticas. Uma excelente oportunidade para as empresas que buscam se destacar no mercado como suas ações sustentáveis.



Eduarda Bischoff

Assistente ESG


eduarda.bischoff@ecovalor.eco.br

Comments


bottom of page